Home » Caminho de Santiago » #SeuDestino Caminho de Santiago – Conselhos para um peregrino por Antonio Rômulo

#SeuDestino Caminho de Santiago – Conselhos para um peregrino por Antonio Rômulo

Enquanto fazíamos  o Caminho de Santiago passamos por muito peregrinos que faziam o trajeto de bike. Nós os chamávamos de “bicigrinos” e achávamos demais. Hoje, depois de 2 anos, temos o prazer de compartilhar o relato de um “bicigrino”, o Antonio. Ele, um apaixonado pelo mundo e autor/editor no Retrip – um blog sensacional sobre viagens, dividiu com a gente um pouco das suas sensações sobre essa que foi uma das experiências mais lindas das nossas vidas. Então chega mais e vem conhecer o Caminho de Santiago por outros olhos.

**************************************************************

Caminho de Santiago
Caminho de Santiago

Tendo feito o caminho de Santiago de Compostela em uma bicicleta, talvez eu não possa dar conselhos referentes à questões físicas tanto quanto um peregrino que se enveredou por essa aventura caminhando. Mesmo eu tendo experiência em trekking de longa duração, não pretendo falar da posição dos braços e da cabeça, não quero focar no tamanho das passadas e da mochila e muito menos quero informar que durante uma caminhada, as roupas, o calçado e a hidratação são de extrema importância. Essa prosa tem um foco diferente e quero chamar a atenção para aquilo que os olhos não veem.

Sempre fui a favor das viagens transformadoras e com algum propósito. Realizar uma caminhada assim, dia após dia, traz, a todos, uma gama de conhecimento, sentimentos e realizações. Isso é quase unanimidade entre os peregrinos.

Acredito que começamos a planejar o Caminho de maneira mais despretensiosa. A medida que pressentimos o que veremos pela frente e isso vai nos preenchendo, corpo e mente, nos envolvemos de maneira reveladora.

Caminho_Santiago_Retrip-9

Dessa forma, o primeiro conselho que daria a uma pessoa que pretende fazer o caminho é pesquisar sobre essa jornada com quem já a fez. Tentar se envolver com os depoimento das outras pessoas faz toda a diferença. O Caminho é único para cada um de nós, mas estando consciente que, o efeito transformador que ele proporciona muitas vezes é irreversível, já nos possibilita encarar essa jornada com a cabeça mais aberta para aquilo que pode ser modificado em nosso interior. Leia relatos, textos e converse com pessoas que viveram essa experiência e isso aumentará ainda mais sua motivação.

O Caminho é longo e para aqueles que o fazem saindo de Saint Jean Pied de Port, tem uma dura caminhada até seu destino final. Serão dias encontrando adversidades que certamente deixarão essa experiência mais enriquecedora. Portanto, viva o dia a dia, esqueça o resto e o que resta para caminhar e foque no que está sendo feito, no agora. Mais do que fisicamente, o Caminho trava uma guerra com sua mente que insiste em deixar a ansiedade a flor da pele.

Caminho_Santiago_Retrip-7

O Caminho é experiência de vida. Então não se isole. Perceba que neste mesmo caminho existem pessoas de nacionalidades diferentes, idade e condições físicas diversas procurando pelo seu propósito e essa troca nos mostra que independente dos inúmeros sentimentos, estamos ali para aprender, superar ou para nos tornar pessoas melhores. Acredite que idioma não será problema. No Caminho todos se fazem entender.

Ah! Como o Caminho é belo! Suas ruas, suas igrejas e sua história. Tente se planejar para poder sentir e vivenciar isso a cada passo dado. Não deixe que a pressa seja obstáculo para o aprendizado. Um bom planejamento lhe permite se emocionar com uma missa, com os detalhes de uma catedral ou com a admiração em observar alguns peregrinos simplesmente caminhando. Momentos de introspecção, de convívio em grupo, persistência, determinação, tolerância, desapego, humildade e foco vão estar contigo cada quilômetro percorrido.

Enfim a Catedral de Santiago
Enfim a Catedral de Santiago

Farei novamente o Caminho e desta vez caminhando! É comum o sentimento de desgosto quando o fim se aproxima. Passando por Monte del Gozo (última cidade antes de Santiago), onde restam somente 4 quilômetros para a conquista do objetivo, acreditamos que tudo que deixamos para trás, durante a peregrinação, se tornará realidade no dia a dia, fazendo com que a experiência se enlace com a nostalgia e o medo, por isso, não queremos dizer “adeus” ao Caminho e sim um apenas “Até breve!”

 **************************************************************************

Esse foi o relato lindo das sensações do peregrino Antonio sobre o Caminho de Santiago. Gostaram? Quem mais se animou a fazer a caminhada? Se ainda não se convenceu, dê uma conferida na galeria que montamos com as fotos da do Antonio! lembrando que lá no site do Retrip tem mais conteúdo para você, não só sobre o Caminho, mas sobre outras aventuras também!

Facebook: Facebook/Retrip
Instagram: @Retrip
Agradecemos de coração ao Antonio que, mesmo com a correria, conseguiu um tempinho para compartilhar com a gente esse lindo relato que traduz muito do que é o sentimento de um peregrino. O Destino Algum agradece e deixamos aberto o espaço para que vocês do Retrip sempre apareçam por aqui.
**************************************************************************

Veja mais fotos da peregrinação na galeria a seguir:

Sobre DestinoAlgum

DestinoAlgum

Veja também

#SeuDestino – 5 Motivos para levar sua família para Foz do Iguaçu

Depois de algum tempo nosso guest post #SeuDestino apresenta uma das jóias mais lindas do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *