Falar idiomas diferentes é cada vez mais e mais necessário no quesito “abrir portas”, principalmente quando você tem o “bichinho” inquieto do mundo no DNA e não consegue ficar parado em um só lugar. O inglês continua sendo, o idioma mais transversal, mais neutro, para qualquer lugal do mundo. Por isso, mais e mais pessoas buscam os cursinhos de inglês e os intercâmbios todos os anos. E é de intercâmbio que vamos falar agora? Já imaginou ficar um tempo fora para estudar um idioma? Já cogitou fugir dos destinos tradicionais, onde o inglês é a língua nativa, e se aventurar no Leste Europeu? Foi o que eu fiz em abril deste ano.

intercambio praga

Praga

Eu sabia que precisava ser “derrubada” da zona de conforto outra vez para poder perder um pouco do bloqueio do inglês e por isso decidi fazer um curso intensivo fora, eu queria estar sozinha para poder me virar. Um lugar em que eu não pudesse falar nem o espanhol e muito menos o português. Não queria ir para Dublin, ou para alguma uma cidade do Reino Unido, pelo alto custo. Mas, para onde então?

Foi quando lembrei da minha cidade do coração, Budapeste. Quando estivemos lá, em 2012, não vimos ninguém falando em português e o idioma deles é hiper difícil. Ou seja, boas chances de eu ter que me virar no inglês. Para orientar melhor minha busca, defini as cidades candidatas: Budapeste (Hungria), Praga (República Tcheca) e Viena (Áustria). E três critérios de decisão – pensando sempre no meu objetivo e no budget.

Critérios/CidadeBudapestePragaViena
Idioma –  não ter a facilidade de que me compreendessem em português ou espanhol   X  X  X
Duração – Eu teria de 2 a 3 semanas, não mais que isso. Então teria que achar escolas que oferecessem cursos semanais.  X
Custo – Não queria ir para um lugar que o custo de alimentação e hospedagem poderiam pesar no orçamento.   X  X

intercambio praga

Praga foi a eleita! Claro, não fiz uma busca muito extensa de todas as escolas da cidade, mas dentro do tempo que gastei procurando, foi a melhor opção.

Na republica Tcheca a moeda é a Coroa Tcheca (CZK). Na conversão, bem alto nível, 1R$ vale 5CZK e 1EUR vale 25CZK.

O curso

Passei três semana incríveis em Praga, com aulas todas as manhãs, de segunda à sexta. Minha escola, a London Institute, é bem pequena e todos super atenciosos. Tive dois professores, ambos canadenses e a turma era de no máximo 8 alunos. Minha turma era formada basicamente por russos e tchecos, isso me ajudou muito. Ninguém entendia uma palavra em português, eu precisei me comunicar em inglês.

A hospedagem

Optei  por me hospedar em hostel, dividindo quarto. A intenção era economizar e tentar praticar um pouco com a galera do hostel. No final, acabei me hospedando em 4 lugares diferentes (isso sim foi cansativo). Até pratiquei com o pessoal, mas vamos combinar, socializar as vezes é bem exaustivo.

Poderia ter economizado mais se ficasse hospedada um pouco mais longe do centr, mas perderia um pouco da tranquilidade de poder dar umas voltas e voltar sozinha à noite, caminhando. Mas no geral, não é caro se hospedar em Praga. Mais uma vez vai depender do seu budget e do seu perfil.

Sobre as minhas hospedagens:

  • Hostel Lípa (Praga 3): É barato, é simples, mas muito tranquilo. Porém, achei mal localizado para quando eu quisesse ficar até mais tarde no centro histórico.
  • Safestay Prague (Praga 1): No olho do furação. A localização é otima e o hostel bem organizadinho, mas peguei um quarto com oito camas, com banheiro no quarto. Para quem está ali só a passeio, Ok! Mas no meu caso, a movimentação do banheiro me incomodava um pouco, já que acordava todo dia bem cedo.
  • Hotel U dvou zlatých klíčů (Praga 1): Super bem localizado, mas é um hotel né. O budget só deu para um fim de semana em que tive a visita do Leonardo.
  • Adam&Eva Hostel Prague (na divisa entre Praga 1 e 5): Para mim foi o melhor custo benefício. Muito organizadinho, a cozinha super boa, perto de tudo, mas sem tanto tumulto como o centro.

>>Em todo caso, pesquisar um pouco mais nunca é de mais, não é mesmo!? Veja mais opções de hospedagem aqui<<

intercambio praga

O custo do dia a dia

No mercado, eu comprava o suficiente para dois dias e me custava mais ou menos 10 euros. Isso incluindo uma massinha, carne, frutas, os temperos, meu café da manhã. Mas, assumo que extrapolei muitas vezes o orçamento. Almocei ou jantei fora várias vezes, que não é tão barato como o mercado, mas também não é um absurdo de caro.

A cerveja lá é extremamente barata e deliciosa! Em cervejarias locais, ou mesmo nos beers gardens, a cerveja custa menos de 1 euro. Porém, se você decidir parar em um dos restaurantes chiques do centro histórico, provavelmente você pagará bem mais (fuja dos pontos turísticos). Às margens do rio, você também verá muitos quiosques que vendem cerveja, por mais ou menos 2 euros.

Do transporte, apesar de ser dispensável dependendo de onde você esteja hospedado, o custo é baixo. Lá eu usava o aplicativo de transporte SEJF, que eu poderia carregar e ativar um ticket quando eu estivesse prestes a embarcar. Cada ticket de 30 minutos custa mais ou menos 1 euro (acredite, 30 min é suficiente).

Mais que isso, você terá gastos com os lugares que decidir visitar ou bate e voltas que resolver fazer. Eu, junto com o casal mara de amigos do Viajando Aprendi, fomos à Kutná Hora e Pilsen. Além disso, conheci o campo de concentração de Terezín.

Resumão de gastos

**Atenção, este é um resumo aproximado dos meus gastos lá. Pode te ajudar a ter uma idéia do que esperar, mas não indica o valor exato de gastos.

Valor +- em CZKValor +- em Euro
Curso – 3 semanas 5400  210
Total de hospedagens14200  567
Transporte Público 840  31
Dia a dia – mercado, rolês, tours  22100  660

Eu deixei um budget de 20 euros diários, para os gastos básicos. Equilibrando bem, dá que sobra. Dá para economizar com hospedagem também. Planeje bem os gastos básicos e os passeios que quer fazer. Se um dia extrapolar em algo, compense em outra coisa.

Essas três semanas valeram muito a pena para mim. Consegui equilibrar bem a prática do inglês, mesmo com amigos lá. Vivi intensamente uma cidade que tem uma importância histórica gigante e com cervejas maravilhosas!

intercambio praga