Home » Hungria » A maior Sinagoga da Europa – Símbolo do Judaísmo na Hungria

A maior Sinagoga da Europa – Símbolo do Judaísmo na Hungria

Budapeste é a capital da Hungria e uma das cidade que eu mais gosto. Não sei se foi o frio, não sei se foi o clima de fim de ano ou se simplesmente é porque é uma cidade apaixonante (chuto na ultima). O que posso dizer com certeza é que é uma cidade que tem história por onde você passa.

 

Nagy Zsinagoga - A Grande Sinagoga
Nagy Zsinagoga – A Grande Sinagoga

Não sou nenhuma historiadora, na verdade estou bem longe de ter conhecimento suficiente, mas conhecer esses lugares desperta a curiosidade em saber o porque de tudo. Enfim, a Hungria é um país que sofreu bastante com a opressão..tanto em tempos de império quanto em tempos de regime soviético. E isso é notado a cada monumento que é visto, lembrando os húngaros dos tempos difíceis que passaram.

Complexo da Sinagoga
Complexo da Sinagoga

Partindo desse contexto…apresento hoje um dos pontos que é um marco judeu nesse país, a Nagy Zsinagoga, ou para nós ocidentais…a Grande Sinagoga! Ela foi construída entre 1854 e 1859, isso porque uns dois anos antes os judeus começaram a ter uma prosperidade não só social, mas econômica na região.Então nada mais justo que construir uma Sinagoga a altura dessa prosperidade não é não?! Siiiim por isso a Nagy Zsinagoga é a maior da Europa e segunda maior do mundo. O que não se esperava, é que um pouco mais a frente, a ganância seria o principal motivo por anos e mais anos de sofrimento.

Com muitas dificuldades com o passar dos anos, lá em 1939 um partido húngaro pró-nazismos bombardeou esse local sagrado e tempos depois a sinagoga ainda foi tomada para servir de rádio Alemã e estábulo durante a 2ª Guerra Mundial. E como sabemos, os judeus ainda foram perseguidos e desumanamente massacrados durante essa época.

A grande árvore de metal...linda e emocionante.
A grande árvore de metal…linda e emocionante.

Hoje, essa sinagoga é um dos lugares mais bonitos para visitar…digo isso tendo visto só por fora, pois chagamos lá fora do horário. A visita na verdade pode ser feita não só à sinagoga, mas também ao grande complexo podendo conhecer a Sinagoga (propriamente dita), o Cemitério Judaico, o Museu e um memorial lindo que é o Memorial aos Mártires Judeus na Hungria. Esse memorial é uma árvore de metal que fica no pátio da sinagoga. Nela estão penduradas milhares de folhas, em cada folha está gravado o nome de um judeu vítima do holocausto. Algumas folhas não tem nada escrito, simbolizando os judeus que não foram reconhecidos.

E depois desse pouquinho de história? Que tal colocar esse ponto no seu roteiro? Let’s go..

Horário: Novembro – Fevereiro: Domingo a Quinta – 10h às 16h Março – Outubro: Domingo a Quinta – 10h às 16h e nas Sextas das 10h às 16.30h É necessário chegar 30min antes do ultimo horário. Mais informações aqui: http://www.dohanystreetsynagogue.hu/

Essa é mais uma de nossas sugestões e esperamos que gostem!

DSCN1385

Até o próximo destino…

Sobre Juciara Nepomuceno

Juciara Nepomuceno
Engenheira de Computação por formação, especialista em Qualidade de Software por profissão e uma eterna exploradora por opção. Desde cedo um tanto nômade, mas há um tempinho em Floripa. Duas grandes paixões: viagens e botas de trilha! Prefiro conhecer lugares inusitados aos velhos pontos turísticos.

Veja também

Parc de la Ciutadella

O que fazer em Barcelona, no verão?

Verão bombando na Europa e sim, dependendo do lugar o calor pode até castigar, Barcelona é um …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *